terça-feira, 13 de setembro de 2011

Only Memory


Eu ainda estava sentada ali no chão, olhando as folhas rosadas das árvores caírem, o vento batia e algumas folhas caiam no chão, elas já formavam um lindo tapete quase cobrindo totalmente a calçada, era magnífico como em um filme
Mas a única grande diferença de um filme inesquecível o meu coração despedaçado e, eu ainda me pergunto como você pode fazer aquilo comigo, em um momento dizia que eu era a sua vida, no outro a sua maior inimiga, como aquilo doía em mim naquele momento, não conseguia assimilar ainda a ideia de ter te visto passando com outra há poucos minutos, era como se ela fosse sua nova vida e eu apenas uma página virada.


Hoje em dia nós temos novas vidas, você continua vivendo no seu mundinho fútil, trocando de "vida" como de roupa e, eu ah eu encontrei alguém que me valorizou tanto, que me amou tanto, que estou bem, finalmente muito bem comigo mesma e, com ele também. Eu e meu amiguinho aqui dentro de mim sabemos que mesmo depois de tanto tempo ainda não te esqueci, nem quero, porém me lembrar de você só como uma boa lembrança, nada mais que isso. . . ~

Nenhum comentário:

Seguir por e-mail