segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Books


Carregam lembranças boas e más, dores, felicidades, histórias longas e curtas, trazem um pedaço de quem escreve e faz sobressair um pedaço de quem os lê, nos faz viajar, sonhar, chorar, rir, aprender, você encontra vidas dentro deles, você pode se encontrar dentro deles, fazem nascer perguntas e mostram algumas respostas procuradas, eles vão mostrar os desejos mais ocultos, os segredos mais profundos de quem os fez e de quem os possui em mãos agora. ~

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

The Time



Gosto mais de chamá-lo de o senhor da vida, pois ele rege tudo, tem o poder de tomar decisões por nós, pode ser bom ou traiçoeiro, amigo ou inimigo, depende de quem vai saber ou não saber brincar com ele, ou você aprende a lidar com ele ou ele vai te ensinar na marra.
Saudades do passado? Todos têm! Momentos eternizados e épocas inesquecíveis, a culpa é dele!
Amenizar as dores, algumas vezes consegue mesmo erradicá-las, remover problemas, apagar cenas ruins, levar embora as lágrimas trazendo sorrisos finalmente sinceros lhe poupando que os esforços para fingi-los continuem, a culpa é dele também!
Às vezes ele voa, e outrora rasteja, mas é gostoso senti-lo, não sou do tipo que acha legal passar pela vida sem percebê-lo, porque, aliás, ele faz toda a diferença!
Ele pode fazer sua sorte virar da noite pro dia, então não o subestime, apenas o espere de braços abertos, aceitando o que ele tem a trazer para cada um de nós.
Solte os remos e deixe o barco ir, a correnteza provavelmente saberá o que fazer com você! ~

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Verdades do Mundo - Detonautas


Sigo os seus passos, invento certezas
É certo que fracasso algum será capaz de me fazer desistir
Porque eu não vou me entregar, eu não vou desistir
E se eu puder fazer por ti o que ninguém jamais fez por mim
Eu faço
Eu faço (8)

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Snake


- Ela mudou!

- Ela quem?

- Sua "ex melhor amiga".

- Não me surpreende.

- Mas aparenta ter mudado para melhor, pelo que dizem...

- Continua não me surpreendendo. Cobras trocam de pele e nem por isso deixam de ser cobras. ~

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Poetry


Tenho um calor interno
E um frio externo
Se me olhar
Vai ver que não sou de chorar
Prefiro aguentar calada
Do que me debulhar em lágrimas
Mas quando o caso é amor
Me dou por inteira
Pois o começo é doce
O meio amargo
E o final
O final
É apenas mortal!

Seguir por e-mail