segunda-feira, 1 de julho de 2013

Angel


Já tive amores só de palavras.
Já tive amores só de atitudes.
E quer mesmo saber?
Nenhum dos dois me completava,
um lado sempre bastava e do outro sempre faltava...
Aí você apareceu, não sei se desceu
porque quis, ou se machucou uma
das suas asas, só sei que desceu, cheio de atitudes e palavras.
Agora não sei mais o que fazer.
Oh vida. Oh amor. De você quero sobreviver.

Nenhum comentário:

Seguir por e-mail